Translator

terça-feira, dezembro 30, 2008

Retrospecto 2008 do Lulo-Petismo


Mais um ano se finda. Esta semana estaremos entrando no sétimo ano da Era Lula. É assim que o Supremo Apedeuta e seus companheiros gostam de contar o tempo.

Afinal, o Brasil foi re-inaugurado pelo lulo-petismo em 01/01/2003, dividindo a linha do tempo em A.L./D.L. (Antes de Lula/Depois de Lula).

Eu sei que é lugar-comum fazer retrospectivas no final de cada ano mas quero hoje somente apontar alguns aspectos relevantes do (des)governo lulo-petista no ano (não da graça, mas) cheio de gracinhas que foi este ano de 2008 ou se preferirem, ano 6 D.L.

Comecemos pela Economia

O crescimento do PIB deve chegar este ano a 5,6%. No retrospecto de 2007(clique para ler) eu havia imaginado algo em torno de 5%. Não errei tanto. Com isso, a média dos últimos 6 anos da Era Lula ficará em 3,6%. A se confirmar no próximo ano um crescimento de 2,5%, essa média cairá para 3,4%. A média dos países em desenvolvimento foi de 7%.

Sempre é bom lembrar que nos últimos 22 anos da Era Pré-Lula (1980-2002) o crescimento médio do PIB foi 2,3% com 3 grandes crises econômicas especulativas no meio do caminho. Mas também é bom lembrar que a média dos últimos 45 anos é de 4,5%. E o efeito gangorra (stop-and-go como gostam de dizer os economistas) nestes 6 anos se repetiu, o que significa que o crescimento não é sustentado, assim como nunca foi neste país.

Como os “cumpanhêro” gostam de relativizar, “a média aumentou 50%” , dirão eles. “Nunca dantes neste país, isso aconteceu”. Tudo bem. Mas o que isso significou para o povo brasileiro?

Continuando pelos Avanços Sociais

A concentração de renda no ano 01 A.L. era a seguinte: para cada real recebido pelos 10% mais pobres, os 10% mais ricos recebiam 68 reais. Hoje, no ano 6 D.L., para cada real recebido pelos 10% mais pobres, os 10% mais ricos recebem 63. Isso quer dizer que o governo lulo-petista só conseguiu arrancar 95 milhões de reais do bolso dos mais ricos para repassar aos mais pobres.Como só o Bolsa-Esmola significa 12 bilhões por ano, quem na realidade bancou este programa foi a classe média. Não é à toa que a classe média brasileira trabalhadora, séria e honesta, reprova o Supremo Apedeuta, pois meteram a mão no bolso dela para fazer demagogia barata com os mais pobres.

Passando pelos Impostos

A carga tributária que já era perversa nos anos A.L. cresceu em termos reais, 16% nos anos D.L. Chegaremos este ano a 37% do PIB arrecadados em impostos, taxas e contribuições que pelo impostômetro da Associação Comercial de SP significa UM TRILHÃO E CINQUENTA BILHÕES DE REAIS. Deste valor astronômico, 750 BILHÕES serão arrecadados pelo governo Federal.

Porém, a maior parte do crescimento da arrecadação de impostos não foi destinada a reduzir desigualdades e sim ao aumento de gastos públicos. Nos anos A.L. as despesas do governo não passavam de 16% do PIB. Hoje chegamos a quase 18% sendo que os gastos com pessoal cresceram 14%, descontada a inflação.Dois por cento do PIB é pouco? Não! Se formos colocar isso em números absolutos, os gastos do governo aumentaram 55 bilhões de reais, quase 5 vezes as despesas com o Bolsa-Esmola.

Em português bem claro: Para cada realzinho pago ao pobrezinho, os “cumpanhêro” torraram CINCO sabe-se lá onde. Ou melhor, sabemos sim. Mas o pessoal do “partido da boquinha” não sabe de nada e esconde tudo.

Analisando a Competência

Aqui, tenho que confessar. O Supremo Apedeuta e seus “cumpanhêro” são altamente competentes. Mas não me refiro à competência administrativa e sim à competência em mentir, enganar o povo desinformado com meias-verdades, subverter a realidade dos fatos, em tentar desqualificar seus opositores com insinuações grosseiras, em fazer acordos políticos espúrios com o que há de pior na fauna política brasileira. E olhem que tem "cumpanhêra" que ainda mandou a gente relaxar e gozar.É. Esse pessoal gosta mesmo de botar a mão na m...

Foram extremamente competentes em tomar de assalto os cargos públicos enraizando-se de tal forma na máquina estatal que mesmo que o Supremo Apedeuta não consiga eleger seu “poste-sucessor”, será necessária uma geração inteira para retirá-los de lá.

E a Seriedade?

Esta palavra foi simplesmente retirada do vocabulário político nos anos D.L.

Este ano chegamos ao ápice do descalabro. A amoralidade, a falta de seriedade aplicada em nome de uma popularidade conquistada à base de pura propaganda enganosa chegou a um ponto em que a linguagem chula, a irreverência inconseqüente, o acobertamento dos maus companheiros, a impunidade generalizada viraram regra quando deveriam ser exceções passíveis de punição severa.

Aparentemente este país está sendo governado a partir de uma mesa de buteco onde só quem paga a conta está sóbrio. O Supremo Apedeuta acha que em cima de um índice de popularidade de 84% ele pode tudo.

É bom lembrar que Sarney chegou quase a 80% de popularidade no Plano Cruzado e depois foi o que vimos. Inflação de mais de 2.500% ao ano e a perda de duas décadas no desenvolvimento do país.

Por fim, façamos um balanço.

Será que vale a pena a troca de alguns anos de crescimento econômico sem sustentação pelo embrutecimento e degradação moral de toda uma geração de brasileiros?

Será que vale a pena a doação de 25 reais por mês a 40 milhões de cidadãos em troca do incentivo à preguiça?

Será que vale a pena a criação de cotas para "minorias" em troca de uma política de guerra de classes?

E o futuro? Como serão os próximos anos? Uma crise nova chegou. Em 2007 eu achava que não seria uma crise tão grave mas ela é sim. Ainda não chegou com tudo, e por enquanto vimos um recuo das águas. Será que este recuo significará uma marolinha ou um tsunami? Temo que seja no mínimo uma ressaca das brabas. Mesmo sendo uma ressaca, o país não está preparado. O Supremo Apedeuta mente mais uma vez ao povo desinformado ao declarar que estamos preparados.

O que eu sei é que a Era Lula ao contrário do que se apregoa, será marcada pela degradação da moral, dos bons costumes, pela falta de honestidade, pelo incentivo à deseducação, à grosseria, à vadiagem.

A Era Lula será marcada também pela aplicação integral da antiga “Lei do Gérson” aperfeiçoada por uma Medida Provisória não enviada ao Congresso mas que vigora há 6 anos. A MP da Vantagem Ampla e Irrestrita. Um exemplo claro disso é a transformação do filho do Apedeuta que de funcionário subalterno passou a mega-empresário da noite para o dia e em troca disso e quem sabe mais do quê, poderosos empresários ganharam em 2008 um império das telecomunicações.

Cazuza um dia bradou: “Brasil, mostra sua cara!”

Será que esta é a cara do Brasil? Espero que não.

FELIZ 2009 AOS CIDADÃOS DE BEM.

E PAU NOS PETRALHAS! ELES CONTINUAM MERECENDO.

sexta-feira, dezembro 19, 2008

Onde vai nosso rico dinheirinho?

A tabela acima mostra o acompanhamento do Orçamento da União em 2008. São dados obtidos do site Contas Abertas (www.contasabertas.com) atualizados até 11/12/2008.

Como podemos ver, no item 1 está o salário de todos os funcionários da União, ativos e inativos, desde o Supremo Apedeuta, até o mais humilde barnabé da República. Considerando que este contingente soma cerca de 2 milhões de cidadãos, a média per-capita é de R$ 6.000,00. Dez por cento do nosso rico dinheirinho de impostos vai para sustentar 1% da população.

O item 2 e o Item 6, são os valores para pagamento da dívida pública. É a famosa dívida que os petistas tanto criticaram no governo FHC e que passou de 700 bilhões em 2002 para 1,5 trilhão em 2008 na gestão petista ou seja, mais que dobrou de valor! Cada brasileiro desde o recém-nascido até o mais idoso deve hoje aos investidores e especuladores através dos governantes de plantão que administram o país, quase 8 mil reais.

O item 3, “Outras despesas correntes” chama muito a atenção. Aqui estão as diárias, as viagens, inclusive as do Lula Tur, as refeições, os churrascos de final de semana na Granja do Torto, o material de consumo, as despesas com cartões corporativos,“pequenas despesas” da barnabézada e "outras despesas" dos cumpanhêro que somadas, dão quase UM TERÇO do nosso rico dinheirinho de impostos.

Imaginem quantas maracutaias devem existir dentro desta rubrica...

No Item 4 estão os investimentos do governo. Dentro deste item está o tristemente famoso PAC. Pelos valores da tabela, dá para ver que o PAC empacou mesmo. Só metade do previsto para investimentos em 2008 foi empenhada (ou seja, contratada) e deste valor, só 14% foram pagos até novembro de 2008.

No item 5 estão as despesas com aquisição de ativos e bens da União. Por exemplo, veículos para os servidores utilizarem (de preferência Ômegas australianos), a prestação do Air Force 51, as reformas do Palácio da Alvorada, os prédios suntuosos dos 3 poderes.

Olhando agora para a coluna “% PAGO/AUTORIZADO” podemos notar a evidência da farra de gastança.

Enquanto os pagamentos das demais rubricas não chegam a 70% em relação ao orçado com a ressalva da rubrica “Investimentos” que não passa de 15% do orçado o que já é símbolo de má gestão (ou má fé), as rubricas “Pessoal e Encargos Sociais” e “Outras Despesas Correntes” atingiram quase 90% de desembolso em relação ao orçado e é óbvio, chegarão a 100% no final do ano.

É natural, meus 3 leitores.

Funcionários públicos e “aspones” recebem seu salário em dia sejam ou não competentes.

Mas este desgoverno além de aumentar estúpidamente o número de funcionários públicos e assessores, pelo visto não mexeu uma palha sequer para reduzir os gastos na rubrica “Outras Despesas”. Dez por cento de economia neste item daria 48 bilhões de reais a menos. Com esta economia, o governo poderia reduzir o Imposto de Renda em até 6 vezes mais do que reduziu, sem perda de arrecadação.

É aqui neste novelo de gastança que os “cumpanhêro” se locupletam às nossas custas. Podem crer.

quarta-feira, dezembro 10, 2008

Pelo avanço bêbado da "marolinha", será que isto pode acontecer?

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,

A que se deu o nome de ano,

Foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança,

Fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano

Se cansar e entregar os pontos.

Aí é que entra o milagre da renovação, e

Tudo começa outra vez, com outro número e

Outra vontade de acreditar que,

Daqui pra frente,

TUDO VAI SER DIFERENTE”


(CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE)

Aos leitores amigos:

BOAS FESTAS

e

Muito sucesso em 2009!!!

(apesar da "marolinha")

(P.S: liguem o podcast ao lado para ouvir a canção natalina)


domingo, dezembro 07, 2008

HEXA!!!!!!!


CURINTIANO LULA!
QUEM VAI "SIFU" VAI SER OCÊ!


ESSE TÍTULO É RESULTADO DE TRABALHO E COMPETÊNCIA. COISA QUE VOCÊ NEM SABE O QUE É.

SÃO-PAULINOS E NÃO-SÃO PAULINOS:
OUÇAM O GLORIOSO HINO DO T
RICOLOR NO PODCAST AÍ DO LADO



segunda-feira, novembro 10, 2008

O Vendedor de Ilusões

"Que crise? Pergunta pro Bush!"
" Bush, meu filho, resolve sua crise!"
" Essa crise não atravessa o Atlântico!"
"O Brasil está preparado para enfrentar a crise!"
"Temos reservas suficientes para enfrentar a crise!"
" A crise é muito séria e profunda que nós não sabemos o tamanho..."
"Lá fora a crise é um tsunami. Aqui, se chegar, vai ser uma marolinha que não vai dar nem pra esquiar..."
"Ninguém está a salvo e todos os países serão atingidos pela crise..."


A sequência acima de frases do Presidente "metamorfótico ambulante"com suas diversas opiniões sobre a crise financeira mostra a nós duas hipóteses possíveis sobre sua atuação neste episódio :

1 - Ou ele é pessimamente assessorado. Isso ele é mesmo, mas é esperto o suficiente para perceber os problemas a seu redor mesmo que não tenha a capacidade intelectual de compreender em detalhes tais problemas;

2- Ou é enganador. Baseando-se na capacidade notória de Lula de saber onde o calo aperta mesmo que não saiba porque o calo aperta, depreendo que ele está usando a mesma linha da famosa piada "O seu gato subiu no telhado" com o povo brasileiro desinformado e alienado que sustenta sua popularidade.

Prefiro a segunda situação, pelo passado recente de "lero-lero" e mentiras pregadas ao povo brasileiro.

Só que se ele estiver nesta linha, quem logo, logo vai ver o gato subir no telhado será ele mesmo.

"Alguém pode enganar poucos por muito tempo, muitos por pouco tempo, mas não todos por todo o tempo.."

terça-feira, novembro 04, 2008

Vejam só meus 3 leitores: vocês aceitariam receber este assassino em nosso país com honras de chefe de Estado? Ele e seu irmão mataram ou mandaram matar a sangue frio mais de 10.000 oponentes políticos em Cuba. Vejam bem: só porque aquelas pessoas se opunham ao regime. Não cometeram nenhum crime hediondo.

Pois bem: o "nosso" presidente convidou o assassino Raúl Castro para uma conferência em Salvador/BA.

Vai recebê-lo com pompa e circunstância e nós, cidadãos brasileiros comuns, da paz, temos que aguentar essa afronta?

Quem aceita receber um assassino em sua casa no mínimo é conivente. Acha que os fins justificam os meios mesmo que os meios sejam a matança de seres humanos.

DIGA NÃO A ESTA AFRONTA AOS CIDADÃOS BRASILEIROS DE BEM!

(imagem surrupiada do Blog do Coronel)


terça-feira, outubro 28, 2008

Próximo passo

Bem, agora que o PT foi devidamente afastado de São Paulo com toda a pompa e circunstância, foi afastado de Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Salvador, Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, enfim das regiões que representam 70% do PIB brasileiro, a próxima meta é afastá-lo do governo do Brasil.

A crise (infelizmente para nós que vamos sofrer também) vai ajudar bastante pois a petralhada está tontinha, confundindo marola com tsunami. Confundindo capitão de fragata com cafetão de gravata. O comandante da nau petista está mais perdido que cachorro que caiu do caminhão da mudança. Fala cada vez mais mais besteira.

Eu havia avisado há muito tempo aqui no blog que o modelo lulo-petista à moda da cigarra e não da formiga, não resistiria a uma crise econômica de verdade pois 99,9% da petistada é absolutamente incompetente e inconsequente. A nossa esperança é que Henrique Meirelles não jogue a toalha pois é o único que neste desgoverno tem ainda lucidez.

Se o Brasil conseguir passar por este marolãozão sem muito prejuízo, acreditem. Será graças ao Meirelles e não ao Apedeuta e seus aloprados.

P.S.:

Perguntinha indiscreta: D. Marta, já comprou a passagem (só de ida) para Paris? Quando viaja?

domingo, outubro 26, 2008

Bye Bye D. Marta!

Kassab 61%

Dona Marta 39%


D. Marta! Já comprou a passagem para Paris?
Sorria paulistano, sorria!

Na maior cidade do país, no maior estado do país, a petralhada já era!

Chegará o dia em que o país todo verá que petistas são ídolos com pés de barro, barro este misturado à m... onde eles puseram as mãos para chegar ao poder.

Aí o Brasil poderá ser bem melhor.


segunda-feira, outubro 13, 2008

A baixaria dos Petralhas

No primeiro turno, fiz questão de passar longe da TV e perder meu tempo vendo a publicidade eleitoral e debates. Mas ontem assisti ao debate da BAND e estarrecido, vi uma inserção na TV da campanha da Martaxa da mais pura baixaria. Nem vou comentar pois muita gente comentou, até o Kennedy Alencar da FSP que já foi porta-voz do Lula deplorou. Limito-me aqui a colar 2 trechos do blog do Reinaldo Azevedo sobre o assunto.

Comenta Reinaldo ( e concordo totalmente com ele):

1)
"Inserção do PT na TV indaga se o prefeito Gilberto Kassab é casado e tem filhos. A cidade inteira sabe que a resposta é “não” e “não”. Então por que a pergunta? É óbvio que se tenta fazer um questionamento sub-reptício, covarde como sói na turma, sobre a sua sexualidade, que não interessa a ninguém, a não ser a ele próprio. Seria ridículo sustentar isso ou aquilo, asseverar esta ou aquela condição. Corresponderia a fazer o jogo da canalha que tenta transformar preconceitos em escolha política.
E se ele fosse gay? Isso o impediria de ser o grande prefeito que é? O PT chafurda na lama, na propaganda mais odienta, na escolha mais desprezível, na discriminação mais asquerosa. Ao mesmo tempo em que assim procede, tenta criminalizar o DEM, como se o partido não tivesse direito de existir. É o fim da linha. No partido de Celso Daniel, de Santo André, e de Toninho do PT, de Campinas, tudo é permitido, tudo vale, tudo pode. Eis a campanha que está sob o gerenciamento de Gilberto Carvalho, braço direito de Lula — o mesmo Carvalho que era braço direito de... Celso Daniel".

2)
"Preconceito, pelo visto, tornou-se a tônica da campanha petista. Marta dedicou-se a satanizar o DEM, partido do Kassab, que, segundo ela, está desaparecendo no Brasil inteiro. A legenda está prestes a conquistar a prefeitura da maior cidade do país. Mesmo fora do poder federal há seis anos, conquistou 495 prefeituras, apenas 53 a menos do que o superpoderoso PT. Se ganhar em São Paulo, governará uma população e um orçamento superior à soma das seis capitais onde os petistas venceram. Não só: as vitórias mais expressivas do PT se deram em cidades pequenas do Norte e Nordeste — justamente nos grotões. E o grande eleitor do petismo foi um neocoronel chamado Bolsa Família — perverso como todos os coronéis.

Marta investe no preconceito. Afinal, qual é o problema do DEM?
- O partido foi pego extorquindo bicheiro?
- O partido promoveu o mensalão?
- O partido foi pego com dólares na cueca?
- O partido foi flagrado com uma mala de dinheiro tentando comprar um dossiê falso para fraudar uma eleição?
- O partido usou a Casa Civil para montar um dossiê contra adversários políticos?
- O partido promoveu a quebra ilegal do sigilo de um pobre caseiro?
- O partido mantinha em Brasília uma casa de prazeres & negócios, onde São Jorge costuma ser exibido de ponta-cabeça?
- O partido tem algum figurão cujo filho recebeu R$ 10 milhões de uma empresa concessionária de serviço público, de que o BNDES é sócio?
- O partido recebeu dólares de Cuba?
- O partido recebeu recursos das Farc?
- O partido deu a Petrobras de presente para um índio de araque?
- O partido endossa os regimes de força da Bolívia, da Venezuela e do Equador?
- O partido mudou uma lei só para beneficiar uma empresa gigante da telefonia?
- O partido tentou instaurar a censura no país?
- O partido puxa o saco de tudo quanto é ditadura no mundo?
- O partido deu emprego para a mulher de um narcoterrorista?
- O partido apóia uma organização narcoterrorita enquanto trata a pontapés o país que os terroristas ameaçam?

Convenham! Se o DEM tivesse feito tudo isso, deveria ter sido extinto, e seus dirigentes mereceriam estar atrás das grades".

3) Vale a pena ler. Recomendo a todos, inclusive aos petistas de plantão A estes últimos, para verificar se a carapuça serve. Lembrando sempre: Nem todo petista é petralha mas todo petralha é petista.


terça-feira, outubro 07, 2008

Sobre a agiotagem perversa dos bancos (2)

O meu colega blogueiro Gonzaga Britto através de sua auxiliar Madre Anunciação, fez um comentário no post anterior interessante.

Diz ela (ou ele):

"o que você sugere para que nós, correntistas empalados pela infâmia bancária, deixemos de ser espoliados desta maneira?Se você tem disposição suficiente para "bater", precisa ter a mesma disposição para mostrar a seus leitores o pós-"bater".

Vou então atender ao seu pedido.

Antes só queria relatar um fato didático que inclusive diz respeito à crise bancária que começou nos EUA e está se espalhando pelo mundo.

Estava eu há uns 30 anos atrás num jantar onde recepcionávamos um casal americano. Ele executivo da empresa que era nossa cliente.Após o jantar, veio a sobremesa. Eram fios de ovos. A esposa do nosso cliente adorou e pediu a receita para a nossa anfitriã. Ela deu a receita, ressaltando que levava uma dúzia de ovos frescos. A americana agradeceu e disse que iria fazer os fios de ovos no próximo verão ou seja, daqui a 6 meses. Perguntamos por que. Simplesmente ela explicou que na época era inverno nos Estados Unidos e que os ovos eram muito caros, pois raros. No verão os preços baixariam à metade e ela faria os fios de ovos.

Pois bem: vai lá minha sugestão que só funcionará se os correntistas empalados se unirem e agirem desta forma.


1-Não depositar mais o dinheiro no banco. Ou melhor, recebeu seu salário, seu honorário, sua comissão, sua propina(essa é para os petralhas e para políticos..hehe) tire o dinheiro e ponha debaixo do colchão, na cueca, na mala. Ponha na poupança. Não te cobram tarifas, paga uma merreca por mês mas remunera e é garantida pelo Tesouro Nacional.

2- Não pagar a prestação do financiamento. Pode crer que o banco vai espernear mas no fim eles abrem as pernas e pedem negociação por um valor muito inferior ao que você vinha pagando. Tenho provas disso. Um amigo devia coisa como 10 mil reais pro Itaú no cartão de crédito somando o principal, juros, correção, coisa e tal e deixou de pagar por 2 anos. Seu nome foi pro SERASA, botaram firma de cobrança em cima dele, ameaçaram, fizeram de tudo. Mês passado propuseram uma negociação onde ele pagaria somente 1.560 reais e tudo bem. Ele foi lá e pagou. Pronto! O banco até se dispôs a tirar o nome dele da lista negra sem ônus para ele.

3- Se numa loja alguém te oferece o produto em 12 prestações sem juros, você pergunta quanto é a vista e ele diz que é o mesmo valor, vá embora. Ponha a boca no trombone. Com certeza o produto poderia ser vendido por pelo menos a metade do preço e quem está ganhando é o banco. Neste caso, a loja é comparsa do banco e está ganhando comissão para isso.

4-Resista à tentação do consumismo fácil. Uma TV de plasma pode ser bonita mas sua TV ainda é boa pois dá para ver os programas. Então não compre a TV de plasma em prestações só para dizer aos amigos e vizinhos que você é melhor. Junte o dinheiro, ponha no colchão, na cueca , na mala, num buraco escondido no quintal da sua casa, na poupança e depois vá a loja e compre à vista de acordo com as recomendações do item 3. Pode crer que a TV vai sair bem mais barato.

5- Faça que nem eu fiz semana passada. O meu banco me mandou um aviso que eu devia R$ 51,32 na conta e iria sofrer sanções como perda de crédito em oportunidades futuras. Não tenho cheque especial e os R$ 51,32 eram tarifas. Imediatamente, liguei para o gerente e mandei cancelar o seguro de vida que tinha, no valor de R$ 132,00 por mês. Ele quase chorou. Pediu desculpas pelo erro do banco, disse que foi erro do sistema, mas fui irredutível. Cancelei o seguro, botei os R$ 51,32 na conta e a fechei imediatamente depois.

6- Não faça passeatas, não berre na imprensa contra o sistema bancário. Afinal, se nós nos unirmos contra este sistema perverso e infame e quietinhos mostrarmos a eles que eles dependem de nós que trabalhamos e geramos renda e não nós deles, as coisas vão funcionar.

Mesmo porque os bancos perdendo clientes, deixando de lucrar os lucros abusivos que lucram hoje e deixando de agir como verdadeiros agiotas legais protegidos pelo governo federal, irão demitir pessoas, fechar as agências luxuosas. Se botarmos a boca no trombone, os sindicalistas petralhas irão às ruas para tentar neutralizar nosso movimento e continuarem a ser o partido da boquinha.

Madre Anunciação:

Tá bom ou quer mais?

P.S: DO, obrigado pela visita. Use e abuse deste escriba.

domingo, outubro 05, 2008

Sobre a agiotagem perversa do sistema bancário brasileiro

Vou mudar um pouco o foco, deixar de bater na petralhada por uns tempos (embora sempre mereçam) e bater no seu maior aliado que é o sistema financeiro, em especial os bancos que nunca neste país ganharam tanto em cima do povo. Com o aval covarde do Lula.
Você tem 100 reais e deposita no banco.
Por que? O banco lhe assegura segurança, ninguém vai lhe roubar esse rico dinheirinho ganho com muito suor. Lhe assegura que se você precisar de mais dinheiro do que estes 100 reais, ele lhe emprestará a juros baixinhos. O banco vai lhe dar um talão de cheques para você sacar seu dinheiro a hora que quiser e um cartão magnético sofisticado para usar nos terminais espalhados pelo país inteiro. Além disso você toda vez que quiser, poderá ir à agência e tomar um cafezinho de graça e ser atenciosamente recepcionado pelo gerente de relacionamento.

Só que você pensou quanto isto lhe custa?

Vamos lá:
As tarifas perversas.

Todo mês o banco lhe cobrará uma tarifa pelo serviço que lhe oferecem num valor fixo, independente do valor depositado. A menor tarifa do mercado é de 10 reais por mês. 10% dos 100 reais depositados. Ou seja, em 10 meses, os seus 100 reais depositados se esvaem no ar se você não fizer nada, nem o banco.Mesmo porque você não vai na agência tomar cafezinho todo dia. E quando vai, ainda tem que passar pelo vexame de ser revistado porque o sistema de segurança acusou que o seu molho de chaves e seu celular são potenciais ameaças.


Mas, estes 100 reais serão emprestados a outros que precisam de crédito. As taxas variam mas a menor do mercado é de 4% ao mês. Ou seja: a cada 100 reais do seu dinheiro , o banco ganha 4 reais todo mês, em juros compostos em cascata, emprestando a terceiros. Você não ganha nada. Só paga as tarifas.


A conta:

Os seus 100 reais rendem ao banco em um ano, 60 reais (juros compostos) se ele emprestar a terceiros.Destes 60 reais, o banco fica com 30 que é o que eles dizem que lhes custa manter a estrutura e ter lucro (dados FEBRABAN), manter pessoal, agência e até o cafezinho.

Ganha 30% em cima dos seus 100 reais e não lhe dá nada em troca a não ser um talão de cheques e um cartão de plástico além do cafezinho, é claro.

Pelos mesmos 100 reais, você paga 120 reais de tarifas e ainda fica devendo ao banco 20. Assim tem que depositar mais 20 se não quiser ter seu nome indicado no SERASA.

Aí, para você não ficar com o nome sujo mesmo que não tenha nada feito para isso pois somente depositou seu rico dinheirinho numa instituição “confiável”, bota mais 20 paus na conta.

Resultado, o banco ganhou mais 20 reais ou seja, seu ganho real foi de 50 reais. 30 do tomador do empréstimo, 20 de você. 50% sobre seu capital.

Resumo:

Você tinha 100 reais.Não fez mais nada a não ser depositar a grana no banco. Teve que botar mais 20 para não ter seu nome sujo. Perdeu então 20%. O banco ganhou 70% em cima de você.

Balanço final: O banco ganhou 70% em cima da sua confiança e você nada ganhou, só perdeu.

Vale a pena? Pense nisso seriamente.

Tem mais depois.

sábado, setembro 27, 2008

Voltando rapidinho e já pausando de novo

Não podia deixar de divulgar. O pior é que 35% de desinformados ou alienados acham que isso aí é o melhor para SP. Esse vídeo resume a realidade sobre esta "candidata". Quem colocou isso no youtube merece meu aplauso.


video

Ah... antes que eu me esqueça(também tirado do youtube).

sábado, agosto 23, 2008

Pausa


Aos meus 3 leitores.

Por motivos profissionais, me afasto das postagens por um tempo indeterminado.

Preciso ganhar a vida e vai me faltar tempo e disposição para "estar de olho".

Todos precisamos ganhar a vida.

Uns honestamente , outros nem tanto e temos inúmeros exemplos destes que ganham a vida de forma desonesta, em cima das nossas costas. A maior parte em Brasília. Mas há também muitos desta raça espúria fora de Brasília, espalhados pelo Brasil, vendendo ilusões ao povo repetindo refrões mentirosos tipo:

Os PAC's da vida;
"o petróleo é do povo";
"nunca antes neste país";
"vote em mim que eu resolvo sua vida"

e outros refrões que sabemos serem mentirosos e com intenções nada meritórias e nenhum pouco honrosas.


Eu sei que no Brasil há muitas pessoas honradas mas a ladroagem, a roubalheira, a mentira, a falta de caráter está vencendo em detrimento da honestidade, da honradez e da retidão.

Uma pena. Tínhamos tudo para sermos um grande país. Mas hoje somos grandes apenas no território. Somos quase todos pequenos como povo.

Eu volto a postar. Não sei quando, mas volto.

Até lá.

sábado, agosto 16, 2008

A TRAJETÓRIA VITORIOSA DE JOÃO DE TAL EM NUNCADANTES

João de Tal nasceu pobre e analfabeto na região do Sudoeste de Nuncadantes. Que nem sua mãe. Todos os sudoestinos viam o rico Noroeste do país como o Eldorado. Todos pensavam que migrando para o Noroeste ficariam ricos. Mas não era bem assim. Para vencer no rico Noroeste, o sujeito tinha que ser antes de tudo, trabalhador. Se fosse malandro, melhor. E João tinha no seu DNA o gene da malandragem. Fez um biscate aqui, outro ali e conseguiu juntar uma grana para fazer um curso de operador de torneiras. Empregou-se em uma fábrica onde seu trabalho era virar as manivelas das torneiras para lá e para cá, 8 horas por dia. Era um trabalho cacete e João queria mais. Queria ser o dono da fábrica de torneiras. Mais ainda. Na sua megalomania, queria ser aquele que mandaria no dono da fábrica. Mais! Queria poder mandar nos donos de todas as fábricas. Aquilo virou idéia fixa.

Um belo dia, João teve uma idéia. Se prendesse o dedo na manivela propositalmente sem que ninguém visse, o fato seria considerado acidente de trabalho e pela lei ele poderia ser indenizado. Assim ele fez. Aposentado precocemente por invalidez, pôde então dedicar-se àquilo que mais gostava. A malandragem. Seu ídolo era o PELEGÃO, líder sindical que nunca trabalhou na vida e vivia de contribuições dos patrões para enganar os seus liderados. Quando as vendas dos patrões diminuíam e eles precisavam reduzir pessoal, chamavam o PELEGÃO para promover greves reinvindicando aumento de salários e melhores condições de trabalho até que as greves fossem consideradas ilegais. Assim os grevistas podiam ser demitidos por justa causa. Aos que não aderissem às greves era dado um pequeno aumento do tipo “cala-boca”. PELEGÃO e seus cupinchas dos sindicatos ganhavam uma graninha por fora pelo serviço.

João então tornou-se líder sindical e seu Sindicato era uma dissidência dos Sindicatos comandados pelo PELEGÃO. Subia em caixa de tomate e fazia discurso nas portas das fábricas incitando os companheiros à greve. A diferença dele e do PELEGÃO era que João falava a língua dos operários, era bom de gogó e suas greves eram melhores que as do PELEGÃO. Colocava leões de chácara na porta das fábricas que não deixavam ninguém entrar e ai de quem tentasse! Era impedido na porrada. Com essa tática, o índice de grevistas chegava a 100%, garantido. Desta forma, João mostrou aos patrões que ele era muito mais eficiente que o PELEGÃO. Com as greves declaradas ilegais, até 100% dos operários podiam ser demitidos. Os patrões logo chegaram a um acordo com João e seus cupinchas. Pagariam muito mais por esta eficiência.

quinta-feira, julho 31, 2008

OS GOVERNANTES RECENTES DE NUNCADANTES

O governante do país na época da criação da Nova República de Antesdenuncadantes era um sujeito nascido no Sudoeste do país, chamado José Ribamar que tinha este nome por talvez morar em uma bela mansão de frente para o belo litoral Sudoestino do país. Ribamar era antigo colaborador dos militares da extrema esquerda da velha República de Antesdenuncadantes e quando viu a coisa preta, mudou de banda e daí para a frente foi sempre mudando de banda para se manter perto do poder. Hoje é um dos grandes amigos do atual governante de Nuncadantes e continua tocando seu tambor, marcando o ritmo da política.

Foi sucedido por um janota também Sudoestino de origem inglesa, o Sr. Afonso Black&White. Tantas malandragens fez este janota que foi apeado do poder. Foi sucedido por um até então obscuro político noroestino cujo maior feito foi implantar um plano econômico que botou as finanças de Nuncadantes no lugar. O plano fez tanto sucesso que seu ministro das Finanças, o Dr. Enrico Fernagoso, foi eleito governante máximo do país que deu início a uma linhagem da mais alta plumagem no poder. Dizem as más línguas que o Dr. Enrico Fernagoso pode até não ter enricado mas muitos amigos e banqueiros enricaram em seu governo ao mesmo tempo em que o povo empobrecia cada vez mais. Dr. Enrico tinha idéias socialistas, de direita que quando foi eleito pediu ao povo para esquecerem.Em nome da estabilidade econômica, promoveu um brutal aumento dos tributos, conseguindo em 8 anos empobrecer a classe média, tornando-a quase tão pobre como a maioria de pobres que habitava o país.

Depois do Dr. Enrico, foi eleito finalmente, após tentar por 3 vezes sem sucesso, o João.
João de Tal. Descendente direto da linhagem dos Tal, originária do país dos colonizadores.

Conta a história que o primeiro Tal de Nuncadantes era José de Tal, um malandro desterrado bom de papo, emérito contador de lorotas e que logo depois que foi deixado à própria sorte na então Terra de Santadantes, foi logo passando a cantada na filha do cacique, prometendo a ela uma vida onde nunca faltariam 3 refeições por dia (café da manhã, almoço e janta), igualdade entre índios e brancos e idas semanais ao shopping para comprar umas tanguinhas. Prometeu também a toda a tribo bolsas de todos os tipos, Gucci, Louis Vuitton, Versace, Prada, enquanto que os demais colonizadores só prometiam espelhinhos, miçangas e balangandãs de terceira categoria.

Este caso amoroso frutificou e criou-se então a mais numerosa linhagem de Nuncadantes. A linhagem dos Tal.

A grande maioria dos descendentes tornou-se honesta, trabalhadora mas como em todas as famílias, sempre há as ovelhas negras que não renegam o DNA.

João de Tal é uma destas ovelhas negras.

(continua no próximo post)

domingo, julho 27, 2008

O PAÍS DE NUNCADANTES

Ultimamente eu tenho me dedicado aqui no blog à ficção. Prefiro escrever ficção pelo menos até o final das eleições deste ano.

Do jeito que a coisa vai “neztepaiz”, com leis feitas por senadores tucanos azedos em conluio com senadores petralhas aloprados para restringir e censurar a Internet, decisões do judiciário proibindo de falar (bem ou mal) de candidatos também na Internet, fica temerário externar opiniões em blogs, sites de relacionamentos, chats, emails, etc.

Já nem se pode falar ao telefone livremente pois um araponga, um bisbilhoteiro qualquer a mando de alguém pode estar escutando e gravando. E isso agora é reconhecido oficialmente pelo governo através do Ministro da Justiça. O Estado Policial se instaurou na prática e qualquer coisa que você escreva em seu blog, comente no blog dos outros ou fale ao telefone poderá ser usada contra você mesmo que seja uma mera receita de bolo.

O Brasil de hoje é um país onde, como bem escreve João Ubaldo Ribeiro na sua crônica dominical, a situação é um bando de larápios que está no poder para mentir e se locupletar e a oposição é outro bando de larápios que tenta chegar ao poder para mentir e se locupletar. E parece que isto não vai mudar tão cedo.

Assim, passo à ficção contando histórias do cotidiano do país de Nuncadantes já avisando que qualquer semelhança com pessoas, fatos e lugares será sempre mera coincidência.

O PAÍS DE NUNCADANTES

Nuncadantes é um país tropical situado entre os oceanos Atlântico e Pacífico, limitado ao Norte pela Antártica e ao Sul pelo Mar do Caribe conforme mostra o mapa-mundi abaixo(cliquem na figura para aumentar).


A HISTÓRIA RECENTE DE NUNCADANTES

Embora o país tenha já muitos séculos de existência, nada de interessante aconteceu por lá desde seu descobrimento pelos navegadores do continente do hemisfério sul até 20 anos atrás. Originalmente habitado por indígenas e depois por bandidos expatriados pelos colonizadores, que se misturaram aos locais, transferindo o DNA da bandidagem aos descendentes, por mais de 4 séculos o máximo que se conseguiu foi tornar o país conhecido em todo o mundo pela malandragem, preguiça e mania de tirar vantagem de tudo e de todos que seu povo tem. O país mudou de nome ao longo de sua existência por várias vezes.

Seu primeiro nome foi Ilha de Eradantes, que mudou rapidinho para Terra de Santadantes quando seu descobridor, por ser míope percebeu ao chegar mais perto não ser uma ilha mas sim, quase um continente. Depois o nome mudou para República de Antesdenuncadantes e assim ficou até que ao fim de um período onde foi governado por um regime militar durante 20 anos, passou a se chamar Nova República de Antesdenuncadantes. Assim permaneceu por mais 20 anos até ser rebatizado pelo atual governante, João de Tal, de simplesmente Nuncadantes.

(continua no próximo post)

segunda-feira, julho 21, 2008

Comparações

Hoje estamos aqui blogueiros de todas as partes do Brasil e do mundo escrevendo graças à genialidade do norte-americano Bill Gates. Um gênio que em apenas 28 anos transformou o mundo da comunicação, divertimento e informação. Com 53 anos de idade irá se aposentar como um dos mais ricos homens do mundo e vai vai se dedicar à filantropia, dando incentivo aos mais necessitados. Ajudou e incentivou aqueles que a ele se uniram na base do mérito e construiu um império. Um verdadeiro gênio do bem.

De outro lado, temos no país imaginário de Nuncadantes outro gênio. O João. Com 63 anos de idade, o João passou a maior parte de sua vida útil, cerca de 28 anos (o mesmo tempo que Bill Gates levou para construir seu império com competência e trabalho) como um inútil, vivendo de ajuda dos companheiros, da sua palavra fácil, de falácias, de promessas impossíveis e de enganar os pobres e desavisados. Mas em apenas 6 anos também enricou. Remediado em Nuncadantes mas suspeita-se, bilionário nos paraísos fiscais deste mundo. Ajudou e incentivou aqueles que a ele se uniram na base da troca de favores, da degradação moral, da roubalheira desenfreada e em mais dois anos fará parte de um império das comunicações e se quiser, poderá até se aposentar e dedicar-se à filantropia com o dinheiro dos outros. Um verdadeiro gênio do mal.

quarta-feira, julho 16, 2008

Me engana que eu gosto!

No país tropical Nuncadantes, o delegado do caso DVD (também conhecido por "Passarinho") e toda sua equipe foram afastados. Por ordem da direção da polícia nacional, a pedido do ministro GE, que foi pressionado pelo chefe João, que foi pressionado pela banda aloprada do partido do João (da qual dizem por aí fazem parte os ex-parlamentares "Perna"e Caroço) que foi pressionada pelo Passarinho que ameaçou contar tudo e jogar titica na cabeça de todo mundo. Tá na cara. Só não crê quem é bobo. Ou ingênuo. Ou tendencioso.

Aí o João foi na televisão, com a maior cara de pau criticar o delegado, dizendo que foi o delegado que pediu pra sair, à moda Tropa de Elite. E pede na moral para ele ficar, todo indignado, como quem não sabia de nada. Puro jogo de cena.

Me engana que eu gosto. Está na cara que tem Caroço no angu.

Para quem não sabe de onde saíram os personagens João, GE, "Passarinho", leiam o bom blog do Jorge Serrão "Alerta Total", especialmente os posts de sábado até ontem. O link está aí no lado direito do meu blog. Lá vocês vão conhecer também a "Mãe".
Antes que eu me esqueça. Perna em inglês é leg.

*******
Atualização de 18/07

No país de Nuncadantes existem vários personagens influentes na política que atuam nos bastidores. Um deles é um judeu de sobrenome Wermusdit. Neste post do blog acima citado, existe um diálogo telefônico grampeado entre João e um cidadão não identificado na região do Caribe. Aliás, em Nuncadantes, as ações das fábricas de grampos estão em alta como nunca dantes. Clicando aqui, vocês entenderão o que significam os números cabalísticos 60.356356086 e 60.356356199 (não se esqueçam que a cabala é judaica) e porque o partido do João saiu do lixo para chegar ao poder.





quinta-feira, julho 10, 2008

Tá chegando a 51!!!

Não, o título não se refere à cachaça preferida do Apedeuta.
Este blog comemora antecipadamente 51.000 visitas. Eu ia comemorar os 50.000 mas achei melhor esperar. Destas visitas, como transparentemente (ao contrário deste nosso governo) já declinei aqui, mais de 60% se devem aos "clicks" dos meus dois cãezinhos Cofap treinados para ficarem em cima do teclado apertando a tecla "Enter".

De qualquer forma, fico muito feliz. Tenho qualidade e não quantidade. Os amigos e amigas que me visitam e comentam são da melhor qualidade. A todos, que estão na lista da direita do blog, obrigado pela tremenda audiência e pelo carinho. Amo vocês! Espero tê-los sempre aqui comigo. Será sempre um prazer continuar marchando a favor de um Brasil melhor.


O cão é realmente o melhor amigo do homem.
Vamos em frente, Joca e Ralf!

Continuem pisando na tecla Enter! Logo, logo, com a ajuda de vocês,chegamos aos 100.000!

terça-feira, julho 08, 2008


A morte do garoto de 3 anos no Rio de Janeiro, baleado por policiais que atiraram no carro de sua mãe por "engano" demonstra mais uma vez a barbárie em que vivemos nos grandes centros brasileiros. A violência impera, é crescente e a escalada parece não ter fim.
Os 6 estados mais violentos do Brasil são Pernambuco, Alagoas, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Pará e Mato Grosso. Não por acaso, 5 destes estados são governados por aliados do governo federal. Todos eles receberam ajuda financeira do Planalto através da Secretaria de Segurança Nacional do Ministério da Justiça.
Somente o Espírito Santo melhorou significativamente seus índices de violência. São Paulo, Minas e os estados do Sul, sem ajuda nenhuma, reduziram seus índices de violência ou os mantiveram em níveis toleráveis (é claro que o nível desejado é zero). No caso do Rio de Janeiro, a ajuda foi mais que substancial. Queridinho de Lula, o governador Sergio Cabral Filho recebeu por ocasião dos Jogos Panamericanos mais de 400 milhões de reais para equipar e melhorar a capacitação da polícia. Onde foi gasto este dinheiro? Ninguém sabe. E hoje vemos mais uma cena triste entre tantas que acontecem na ex-cidade maravilhosa. O Rio se tornou exemplo típico do dito popular "por fora bela viola, por dentro pão bolorento". Corroída através dos anos pela corrupção oriunda do narcotráfico, a polícia fluminense não tem mais jeito. Fico triste pelos cidadãos de bem do Rio de Janeiro que são a maioria, mas estão dominados por uma minoria bandida, corrupta e violenta.

É bom frisar que a escalada do narcotráfico no Brasil e no Rio de Janeiro se acelerou com a queda de ação do governo federal através da Polícia Federal e das Forças Armadas no combate aos narco-traficantes nas fronteiras, principalmente nas fronteiras do Paraguay, Bolívia, Venezuela e Colômbia. As FARC viraram os principais distribuidores de drogas da América do Sul. "Huguito, Evito e Rafaelito" os 3 patetas socialistas, companheiros do Presidente Apedeuta, são apoiadores desta organização criminosa que através da rede montada por Fernandinho Beira-Mar, organizou a distribuição e comércio de drogas no Brasil centralizando-a no Rio de Janeiro.

Enquanto isso, o cidadão que tomou uma latinha de cerveja e foi pego dirigindo, vai em cana.

sábado, julho 05, 2008

Um pouco mais sobre economia (parte 2)

1-Economia não é ciência complicada, não. Quem a complica são justamente os economistas incompetentes que assolam o Brasil. De todos os gêneros e ideologias . A partir do momento em 1994, que um sociólogo(!!!) conseguiu botar ordem no coreto quando um bando de economistas por anos, só conseguiu bagunçar a economia brasileira, perdi a confiança nesta classe.

2-Meteorologia é uma ciência inexata pois que é sujeita às leis da natureza e a natureza é improvável, aleatória. O homem não comanda a natureza. É por ela comandado. Economia é uma ciência que não depende da natureza e sim do comportamento humano. E o comportamento humano pode ser previsível e dirigido.(pra quem não entendeu este item, ele se destina a um comentarista em especial)

3-Eu, por acaso, tenho formação mais que suficiente para falar o que falo.Não sou economista mas complementei minha formação com alguns princípios econômicos que aliados ao pragmatismo e à lógica cartesiana típica do engenheiro e cientista me permitem analisar com uma certa objetividade os fatos políticos e econômicos brasileiros.

4-Vamos às origens:

Economia vem do latim "oeconomia" que quer dizer ordem harmonica ("ordo harmonica").A palavra latina deriva do grego "oikos nomos" que quer dizer em tradução livre, administração da casa.

Se você for ao "pai dos burros" verá que economia é a arte de bem administrar uma casa ou um estabelecimento público.

Assim, bem administrar a sua casa é saber se prevenir contra os altos e baixos que naturalmente ocorrem no dia-a-dia de sua vida. E para bem administrar a sua casa, você precisa se planejar.

Agora, vamos à vida real. Desde o início do ano passado, o Real começou a se fortalecer. Por um lado isso foi bom pois significava que estavam entrando divisas em moeda forte(dólar e euros) mais do que saindo. Com isso,o país pôde criar reservas (ou poupança pública,se preferir) em moedas conversíveis para os eventuais dias magros e criar maior credibilidade. Ainda neste lado, as importações ficaram mais baratas, o que ajudou a conter a inflação.

Pelo outro lado, as exportações ficaram mais caras, reduzindo como se reduziu, a competitividade do país no mercado externo afetando o balanço de pagamentos que vinha sendo fortemente favorável ao país. A crise americana que afinal não foi tão grande assim, aliada ao enfraquecimento do dólar fez com que este país reduzisse suas importações e passasse a incentivar através de maiores subsídios e redução de impostos, a sua produção interna.O mesmo fez a União Européia.

Aliado a isto, a China continuou a ser como já era uma grande consumidora de commodities.

Consequentemente, os preços das "commodities" que são o forte da exportação brasileira subiram.Os nossos produtores de commodities que vinham perdendo em volume passaram a ganhar em preço e é este preço maior que está sendo praticado aqui dentro do país, provocando a tal inflação de alimentos. A solução óbvia para prevenir esta inflação seria adotar preventivamente uma política de maiores incentivos à produção através de maiores financiamentos e/ou desonerações fiscais somada a uma política de regulação de estoques.

Mas por falta de investimentos em infra-estrutura de distribuição , logística e armazenamento,isso não foi feito.

Por que não foi feito? Porque os gastos públicos estavam e ainda estão dirigidos em nome das políticas sociais de uma forma desordenada, mal gerida e mal distribuída e voltadas para a manutenção de alianças políticas espúrias e à manutenção do poder a qualquer custo.

Vou dar um número: São 11,1 milhões de famílias assistidas pelo Bolsa-Família. A média por família é de R$ 60,00.Consegui estes dados em sites alternativos porque os sites oficiais não são transparentes. Isto dá um gasto anual de R$ 8 bilhões de reais que chega no bolso das famílias. No entanto, o desembolso anual no orçamento é de R$ 12 bilhões!!! Para onde vão parar os R$ 4 bilhões da diferença? Na estrutura montada para distribuir a grana. Que programa é este que precisa gastar 33% das verbas só para administrar o Bolsa-Família?É puro aparelhamento.

Isto tudo tem um nome, meus caros. Falta de planejamento e seriedade. E por que falta de planejamento? Porque este governo não tem pessoal nas hostes petistas com capacitação adequada para fazer um planejamento bem feito. Aliás, não tem pessoal competente para nada.

O nosso ministro do Planejamento é um ex-caixa de banco. Me desculpem os caixas de banco mas quem nasceu para ser só caixa de banco não pode ter sucesso como Ministro do Planejamento do Brasil, a menos que seja militante do PT.

O nosso Ministro da Fazenda é mais um economista acadêmico vermelhóide que é enrustidamente favorável ao desenvolvimento acelerado às custas da inflação. Leiam na Internet as teses dele sobre economia. Eu li e fiquei arrepiado. O Suplicy, apesar do aparente autismo que o assola, entende mais de economia que ele.

Mas o PT não tinha ninguém melhor que o Manteiga, não queria Suplicy com medo dele surtar e virar tucano, Mercadante é aloprado, então escolheram o Manteiga, mesmo porque não tinham nenhum "créme brullé" ou "maionnaise" petista. Manteiga é soldado a favor do Partido. Se mandarem ele enfiar a cara num balde de merda, ele vai lá e ainda acha bom, que nem hiena que come merda e ri.

E por que falta de seriedade? Por justamente os detentores do poder que não têm DNA democrático, não aceitarem o jogo democrático. A ordem é manter o castelo do poder a qualquer custo, mesmo que isto signifique rifar o país no futuro de preferência, com autoritarismo. A ordem é empregar no aparelho estatal o maior número de companheiros que for possível para controlar o processo, mesmo que sejam um bando de incompetentes que só sabem seguir ordens.

Os petistas chegaram ao poder em cima de uma espiral inflacionária localizada no segundo semestre de 2002, causada por eles mesmos, que botaram lenha política na fogueira, aproveitando uma crise internacional, provocando a fuga de capitais e se não se cuidarem, vão ser defenestrados pela mesma razão. O pior cego é aquele que não quer ver. E eles estão cegos pelo sucesso momentâneo.

sexta-feira, julho 04, 2008

Ainda sobre economia e Ingrid Betancourt

No post anterior eu disse que o atual presidente do BNDES, Luciano Coutinho falou o óbvio com o qual concordo (com o óbvio). "para combater a inflação deve-se aumentar a produção e não só regular o consumo através de juros altos". Ou coisa parecida.
O óbvio deve ser sempre dito pois existe no Brasil muita gente estúpida que não consegue entender nem o óbvio. O que me causou espécie foi ele ter dito o óbvio depois que a porta foi arrombada, a inflação ameaça disparar e ele como eminente representante do governo e luminar da economia não ter forçado a implantar um óbvio plano de combate PREVENTIVO à inflação no ano passado. Agora tem que tapar buracos.

O que o Luciano falou, meu pai que só tem o quarto ano primário fala há muito tempo. Não se deve gastar mais do que se ganha e o que sobrar a gente investe no crescimento. Não é o caso deste governo que tanto se ufana (malandramente) de ter promovido a maior reviravolta econômica no país desde que o país existe. A dívida pública interna só faz crescer e hoje está em muito mais que um TRILHÃO de reais. Os gastos com cartões corporativos denunciados tempos atrás são só uma pontinha do iceberg da farra gastadora do governo. A corrupção se institucionalizou, se cristalizou, graças ao mau exemplo dos ocupantes do Planalto ao "blindarem" notórios malandros.

Os petistas costumam dizer que existe gente torcendo para a inflação voltar, o Brasil governado pelo Lula "et caterva" dar errado. Eu não . Torço para a inflação não voltar. O Brasil dará certo não pelos seus governantes mas pelo seu povo.

Ao mesmo tempo, trabalho para mostrar que o lulo-petismo é uma excrescência alienígena e deve ser derrotado pela denúncia constante de suas mazelas e mentiras. Os "cumpanhero" renegaram a Constituição vigente e hoje dizem defendê-la (MENTIROSOS!), os "cumpanhero" sempre quiseram o "quanto pior, melhor" para chegar onde chegaram, os "cumpanhero" sempre torceram para o governo dos seus adversários e o Brasil dar errado(FALSOS!). Os "cumpanhero" não têm moral para hoje reclamar (IMORAIS!). Mas felizmente tenho consciência desta estratégia ideológica e estou vacinado contra ela e nunca mudarei minha opinião. Disse um notório ideólogo comunista sobre como combater adversários: "Acuse-os daquilo que você é". É o que a petralhada faz com os seus adversários. Eu prefiro acusá-los daquilo que não sou, mas eles são.

*******

Agora aparecem esquerdóides com dor de cotovelo querendo insinuar que o governo colombiano pagou 20 milhões de dólares para a libertação da ex-Senadora Ingrid Betancourt.
E se pagou, qual o problema? Ela e mais 13 reféns de terroristas não foram libertados? É o que importa.A liberdade não tem preço. Mas prefiro acreditar que não foi assim. Parabéns aos Estados Unidos e à França por darem apoio ao governo democrático da Colômbia. Parabéns também ao Serviço Secreto de Israel que ajudou no treinamento dos militares colombianos envolvidos no resgate. Condolências ao governo brasileiro e sua diplomacia de quinto mundo que não prefere nem ficar em cima do muro e sim atrás do muro, à espreita dos acontecimentos para malandramente, bem ao seu estilo, só surfar na onda quando ela é boa.

Colo aqui uma frase feliz do Reinaldo Azevedo, hoje em seu blog.

"...Uribe venceu um mito que ainda assombrava e assombra a América Latina: o da insurreição. Que os soldados colombianos tenham enganado os terroristas vestindo camisetas com a famosa foto de Che Guevara não deixa de ser uma ironia da história.

Pela primeira vez, Guevara serviu à causa da liberdade."

quinta-feira, julho 03, 2008

Economia, democracia, liberdade...

No site do Cláudio Humberto de hoje:

"O presidente do BNDES Luciano Coutinho disse hoje que o problema da inflação é sério, mas que o Brasil tem totais condições de enfrentá-lo. Segundo Coutinho, para sanar o problema não é suficiente conter a demanda, mas também aumentar a oferta. O Plano de Safra, que pode aumentar a produção agrícola, anunciado ontem pelo governo é, para Coutinho, uma ótima ferramenta para se combater a inflação. Ele afirmou que o país é capaz de vencer este desafio, mesmo que para isso seja preciso desacelerar um pouco o ritmo de crescimento da economia. “Podemos desacelerar um pouquinho, mas não vamos derrubar o crescimento", disse Coutinho."

Hahahahaha! O economista, professor,doutor, barbudinho da UNICAMP, falou o óbvio ululante. Nem precisava ter todo aquele monte de títulos que tem para falar coisa tão simplória. Gente, fico pasmo com as declarações tão brilhantes que esses "intelectuais" ligados aos petralhas fazem por aí. Por que o tal Plano de Safra não foi implantado há um ano atrás?

O ministro Manteiga vem a público dizer que não há motivo para pânico, a inflação está sob controle. Sob controle uma ova! As altas no atacado no mês de junho, vão se refletir em altas no varejo em julho e agosto. Se subirem mais os juros, novas pressões de alta no atacado em função de financiamento de estoques acontecerão e assim vai.

Os petralhas pegaram o navio Brasil com um rumo definido pelo piloto anterior. Ligaram o piloto automático e enquanto as águas da economia eram calmas, o tempo da conjuntura bom, aproveitaram para fazer suas farras e festanças no salão de festas. Agora que o tempo começa a fechar, precisam pilotar o barco no manual mas não sabem como fazer. Não possuem esta habilitação, nem têm inteligência para isso.

*******

Ingrid Bettancourt foi libertada por quem de direito. Pelo governo de seu país. O Sargento TopTop Garcia, aquele assessor de p... nenhuma do Apedeuta, deve estar com um sorriso amarelo(amarelo de verdade) e vermelho (mais do que já é) de raiva do competente exército colombiano que frustrou a idéia sua e dos seus asseclas do Foro de SP de usarem a ex-senadora como moeda de barganha, para legitimar a guerrilha das FARC (leiam no excelente blog Notalatina os bastidores da operação que libertou a ex-senadora). Obrigado Suzy pela dica.

*******

Enquanto isso, o Apedeuta declara que "aqui na América Latina e na América do Sul não existe nenhuma razão para alguém querer chegar ao poder pela luta armada".
Em primeiro lugar, na cabeça dele América Latina e América do Sul são diferentes. Em segundo lugar, ele tem razão. Não precisa de luta armada para chegar ao poder. É só mentir descaradamente para o povo que se chega lá. E para se manter no poder é só continuar mentindo além de comprar aliados com o dinheiro público. E também, usar uma boa parte deste dinheiro para botar os companheiros no poder e uma pequena parte para distribuir migalhas aos mais pobres e obter popularidade. Isso é o que alguns chamam de grande político. Para mim é sim, uma grande sem-vergonhice.

terça-feira, julho 01, 2008

Inflação x Impostos... e uma campanha

Amanhã, 2 de julho de 2008 a arrecadação de impostos no país atingirá 500 bilhões de reais, vinte dias antes que no ano passado e isso sem a CPMF. Se a CPMF ainda existisse, o número teria sido atingido na semana passada.

A arrecadação este ano é recorde. O crescimento de janeiro a maio foi 17,26% em relação ao ano anterior. O PIB cresceu 5,2%.As despesas do governo então, cresceram 9,14% com relação ao mesmo período do ano passado. 80% mais que o crescimento da economia.

A inflação acumulada até junho, é de 6,82% segundo o IGP-M da FGV. Segundo o IBGE, o IPCA que mede a inflação “oficial” acumulou 2,88% até maio e não temos ainda o índice de junho. Mas pelo andor da carruagem, este índice deverá acumular em junho qualquer coisa perto de 4% a se repetir a variação do mês passado.

Nos dois índices, os vilões foram os alimentos e os preços de materiais básicos industriais, principalmente arroz,carne bovina, legumes, farináceos, óleos e massas no caso de alimentos e o aço no caso dos materiais básicos.

Notem bem que produtos de consumo industrializados ainda não contribuíram para esta alta. E falo de TV´s, celulares, geladeiras, fogões, automóveis, aparelhos de som, etc.

Já se fala em aumento maior dos juros do governo como forma de conter a escalada da inflação.

Aumentar juros mais drasticamente, certamente reduzirá o crescimento da economia como um todo, ao reduzir o consumo. Os bancos sairão ganhando ainda mais, como sempre. A população consumirá menos alimento pois quem tinha que comprar bens de consumo a crédito já comprou e com prestações mais altas, não comprará mais. Pelo contrário, para poder honrar compromissos, diminuirá o consumo alimentar ou pelo menos não aumentará. É uma das saídas mas não a melhor pois a dívida pública do governo aumentará e a economia se reduzirá.

Porém eu pergunto: por que não reduzir os impostos sobre alimentos nesta hora? A média de impostos sobre alimentos segundo a Associação Comercial de SP é de 35%, salvo sobre a carne que é 19%. Mesmo assim, a carne bovina teve uma alta só em junho de 40%.

Os fertilizantes que têm um peso enorme no custo da produção de alimentos subiram 100%. Os impostos sobre fertilizantes são da ordem de 40%. O Brasil importa 75% dos fertilizantes que necessita. Por que não reduzir estes impostos também? São idéias emergenciais que aplicadas por tempo restrito podem evitar especulações.

Mas a questão crucial e para mim a principal causa desta escalada da inflação é a falta de planejamento e seriedade desde bando de ineptos que compõe este governo.

Se tivessem reduzido os gastos públicos há 4 anos atrás ou pelo menos mantido os níveis de gastos de acordo com o crescimento do país, não haveria pressão sobre o consumo. Com a contenção dos gastos públicos não haveria necessidade de aumentar impostos e juros para sustentar a máquina emperrada, corrupta e burocrática. Pelo contrário, haveria sobra de arrecadação para investir em infra-estrutura (transportes, estradas,etc.), sobra esta propiciada pelo simples aumento da atividade econômica, com impostos e juros mais baixos.

Com uma infra-estrutura melhor, os custos de produção seriam menores, os juros poderiam ser menores, haveria maior incentivo à produção de alimentos para consumo interno e exportação. O Brasil é auto-suficiente em alimentos. Estamos entre os maiores exportadores de soja, carne, aves, somos auto-suficientes em arroz, feijão, milho, legumes, verduras, frutas mas no entanto estamos importando o PREÇO INTERNACIONAL destes alimentos e NÃO os alimentos.

Como vêem, a incompetência dos lulo-petistas, a má gestão dos gastos públicos aliada aos altos impostos e juros praticados está nos levando de volta à inflação, que é o pior de todos os impostos. Algum petralha desavisado pode até achar que eu estou feliz com isso. Não estou não. Os acontecimentos atuais só demonstram que eu estava certo ao avisar lá atrás que isso ainda iria acontecer. Pobres de nós. Tanto os 57% de ingênuos que acreditaram no bando e os 43% que não acreditaram. Estamos à mercê desta turma por mais dois anos e meio e o pior, de mãos atadas.

A única saída que vejo, é nas eleições municipais de 2008 procurar evitar que a maioria dos petralhas e asseclas não sejam eleitos. Assim quem sabe em 2010 baniremos de vez este bando de incompetentes e mentirosos.

Lanço aqui hoje a campanha:

EM OUTUBRO, NÃO VOTE EM PETRALHA! A VÍTIMA CERTAMENTE SERÁ VOCÊ!

domingo, junho 29, 2008

Tomou um chopp e dirigiu? Se ferrou! Cheirou cocaína e dirigiu? Na boa!

Comeu um bombom de licor e saiu dirigindo? Teje preso! Você é um criminoso perigoso!

Clicando na frase acima, você lerá e entenderá porque o Big Brother Esquerdóide-Petista está enquadrando finalmente a sociedade brasileira. A petralhada no poder quer transformar o cidadão brasileiro num ser manipulado, mero mamulengo de teatro nordestino.

1-Começou pela idéia idiota do politicamente correto, continuou pela idéia do socialmente correto, ambientalmente correto, economicamente correto, sexualmente correto e outras idiotices "corretas" mais.
2-Descambou na imunidade parlamentar, na ditadura comportamental, nas cotas para negros em universidades, na lei da homofobia, na proteção aos consumidores de drogas, no crime ambiental inafiançável até para quem corta tiririca e agora na lei-seca estúpida que inventaram.
3-Por
má intenção ou quem sabe incompetência daqueles que são regiamente pagos pela sociedade para combater as distorções, agora querem de novo tirar o sofá da sala para evitar a sacanagem. E obviamente conquistar votos para se reelegerem.
4-É desta forma que se destrói uma sociedade para se construir outra aos moldes de quem detém o poder. E eles estão aos poucos conseguindo, sem que haja reação firme de todos nós, classe média pensante.
5-Os mais ricos não estão nem aí pois recebem benesses da alcatéia instalada no Planalto. Se a coisa piorar, eles se mudam para os paraísos fiscais onde as suas riquezas são acumuladas e protegidas. Os mais pobres, são enganados com créditos fáceis e esmolas que lhes permitem comprar bens , endividando-se até às tampas mas ninguém lhes ensina ou incentiva a progredir.
6-O que esta gangue quer é construir uma sociedade onde a corrupção, a roubalheira, a incompetência, a permissividade com os companheiros, a amoralidade, a mentira, a pouca vergonha prevaleçam. Onde a maioria seja encabrestada e conduzida. E a minoria (que são eles, os petralhas e companheiros de quinta coluna) conduza os destinos do Brasil.
7- A oposição "liderada" pelo PSDB é leniente, quando não, conivente.

8- O Brasil é muito maior que esta súcia de políticos que nos assolam. Precisamos reagir antes que seja tarde.