Translator

sábado, agosto 01, 2009

Da imbecilidade à censura (o que dá no mesmo)

Esta semana destaco dois fatos relevantes:

- A mais nova patacoada de Lula ao pechar aqueles que criticam o programa Bolsa-Esmola de imbecis e ignorantes.

Todos sabem que Lula, o soberbo, é avesso a críticas. Ele se acha acima de todos os brasileiros e essa postura é uma de suas muitas fraquezas. Um governante que tem a pachorra de chamar em público concidadãos seus que não concordam com ele de imbecis e ignorantes, não passa ele mesmo de um grande imbecil e ignorante.



- A decisão do desembargador de Brasília, Dácio Vieira, de censurar previamente o jornal "O Estado de São Paulo" proibindo este órgão da imprensa que tem uma longa história de lutas contra arbitrariedades, de noticiar as maracutaias do clã Sarney.

Ora, eu já vivi quase 58 anos e vivenciei a luta do glorioso Estadão contra a censura dos anos 70, publicando poesias e receitas de bolo no lugar das matérias que retratavam o lado triste do regime militar. Sugiro aos editores do jornal que passem a publicar trechos do livro "Marimbondos de Fogo" de autoria do senador, como forma de protesto.

O desembargador em questão é ligado ao clã maranhense que hoje sabemos ser mais que um clã, uma verdadeira "famiglia mafiosa", que domina aquele paupérrimo estado nordestino e boa parte do Congresso brasileiro, usando o dinheiro público de todos nós brasileiros para seu próprio proveito. O Estadão denunciou e provou tanto que Sarney está mais sujo que pau de galinheiro não só entre a opinião pública como também entre seus pares. O único que o defendia era Lula, que como bom rato que é, abandonou o navio anteontem.

Vejam a foto abaixo num rega-bofe de casamento em Brasília, da filha do ex-diretor do senado Agaciel Maia (um cidadão que propiciou o mais escandaloso esquema de vantagens pessoais no Senado com o nosso dinheiro, protegido pelo senador Sarney).

A foto fala mais que minhas palavras e vale dizer:

"Sr. Desembargador, dize-me com quem andas e dir-te-ei quem és"


16 comentários:

Patrícia Ribeiro disse...

Tunico, gosto de vir aqui, como já disse, por que seu blog é democrático e aborda sempre um assunto atual:

Sobre opinião do Governador Serra sobre críticas do cidadão...(Gostaria que vc publicasse também)

No Estadão de ontem o governador Serra chama de ‘beócios’ os que criticaram o seu programa de transferência de renda, considerando-o eleitoreiro ou demagógico. O jornal, na manchete, definiu os críticos como burros, no lugar de beócios.

Sobre o heroísmo do Estadão...

O marketing do Estadão bateu no ápice. Matéria do jornal compara a reação à sentença do Juiz (proibindo divulgação de inquéritos sigilosos) com a posição de Júlio Mesquita Filho em 1968, em pleno Ato Institucional número 5, contra censura imposta pela ditadura militar.

Menos, menos, menos.

Ricardo Gandour não é Júlio Mesquita Filho; o Estadão não é mais Mesquita (a não ser na página de editoriais) e a mídia hoje não é a oprimida, mas o poder de fato. A única coisa em comum entre os dois momentos foi o veto à publicação de assuntos. Mas o que era heroísmo em 1968 virou prepotência em 2009.

Com sua capacidade de fuzilar quem quiser - até desembargadores que ousem enfrentá-la - a mídia é o poder de fato, a ameaça, não a ameaçada.

Sobre a crítica de LULA aos críticos do bolsa-família..

A Globo News assassinou a verdade no seu “jornal” (?) da meia noite.

Lula discursou em Minas Gerais ontem, falando que "é imbecil todo aquele que diz ser a bolsa família um programa para preguiçosos que não querem trabalhar".

A GloboNews noticiou assim: ” Lula chama de imbecis os críticos do bolsa família”.

A GloboNews além de assassinar a verdade a sangue frio também ME chamou de imbecil.

Estou escrevendo aqui este desabafo para me sentir um pouco menos mal. Ser insultada assim por um treco que eu pago para ter ligado na sala de minha casa me faz sentir que, talvez, eu seja mesmo imbecil.

Um grande abraço Tunico!

tunico:uma pessoa comum,branco de olhos azuis disse...

Patrícia, meu blog não é meramente democrático. É mais um espaço de opinião. Às vezes tenho que ser ditador para preservar este espaço.

Se Serra chamou os críticos de seu programa de transferência de renda de beócios, errou redondamente com um agravante. Ele tem muito mais bagagem intelectual que Lula e cá entre nós, é tão prepotente como ele.Portanto é também um imbecil.Imbecil com diploma(Existem muitos por aí).

Eu assisti a declaração do Lula. Eu tenho a certeza que o Bolsa-Esmola é um programa demagógico/populista e faz com que os assistidos não tenham realmente vontade de trabalhar duro pois recebem esta esmola e preferem viver de bicos como adicional. Esta é uma realidade. Converse com pessoas das comunidades pobres, com sua empregada doméstica, com as pessoas pobres na rua. Verá que a maioria prefere receber os caraminguás do Bolsa-Esmola e continuar como "miserável oficial". A grande falha deste programa é que não existe um compromisso com os assistidos. Os americanos e europeus têm programas similares que funcionam legal mas exigem "comittment" . Compromisso.

Aqui não . É esculhambação geral em nome das eleições de 2010.

Quanto ao caso do Estadão. Ricardo Gandour não é Julio Mesquita mas segue a orientação original do jornal de mais de 100 anos atrás, de ser um veículo independente e é monitorado por Rui Mesquita que preserva as linhas editoriais com muita propriedade. O Estadão já elogiou o governo Lula nas coisas boas assim como criticou as coisas ruins. A grande vantagem da imprensa como quarto poder é regular e evitar os excessos dos políticos de plantão. Eu sou frontalmente contra qualquer tipo de cerceamento da opinião mesmo que ela esteja protegida sob o manto do segredo de justiça. Se as sujeiras Sarneysianas estivessem mesmo sob o manto sagrado da Justiça, os fatos não viriam à tona como vieram. E elas existem de fato, portanto não devem ser escondidas.

O desembargador é para mim um censor, dos piores.

tunico:uma pessoa comum,branco de olhos azuis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ozéas disse...

E por estar em segredo de justiça, até a decisão "fundamentada" do magistrado não pode ser lida.
Trabalho completo.
Abç

Alcinéa Cavalcante disse...

Marimbondos? Nãooooooooooooo. Isso é muita maldade com o leitor.
Mas, Tunico, eu lembro que em 2006 depois de mover mais de 20 ações contra mim e meu blog, o Sarney teve a cara de pau de dizer em entrevista à Folha de S.Paulo o seguinte: "Mantenho meu velho estilo de nunca processar jornalista."

Fábio Mayer disse...

Não critic o BF, mas critico esse aumento eleitoreiro, dado acima da inflação (coisa que os aposentados não recebem)num período de queda de arrecadação e aumento da despesa (pudera!).

Sou imbacl também? Segundo a classificação do grande líder?

Quanto a esta lamentável decisão judicial, acredite, ela veio à tona porque envolve o Estadão a grande famiglia de amigos do PT e de Lula. Mas ess tipo de coisa acontece diariamente pelo país afora porque o Judiciario brasileiro é péssimo e de regra VENAL.

Num país onde filho recém-formado de desembargador passa no primeiro concurso para juiz, repetindo o feito do seu pai, que repetiu o feito do avô, que repetiu o feito do bisavô, a Justiça não pode ser séria, se é que você me entende... entre o Maranhão e o Paraná, não há muitas diferenças judiciárias.

tunico:uma pessoa comum,branco de olhos azuis disse...

Alcinéa, se Sarney cair como de fato cairá, e o Estadão derrubar a liminar como certamente acontecerá mais cedo ou mais tarde, vamos montar uma campanha para derrubar as açõs contra você, sua irmã e os jornalistas amapaenses.

Você sabe muito bem que eu sempre disse aqui no blog que o cancro político brasileiro é o PMDB dos Sarneys, dos Jáder, do Renan.Lula é efeito e não causa.
Vai cair o primeiro baluarte da maracutaia. Vamos forçar um efeito dominó.

Patricia Ribeiro disse...

Tunico,

Serra de diploma de quê mesmo???

Kozel® disse...

Não vivemos em regime de exceção e a liminar dada pelo tal DACIO merec ser descumprida,pois é inconstitucional.
Sarney sair ou ficar,dá na mesma,o Brasil precisa é de uma reforma muito mais profunda que o afastamento de um ladão apenas.Precisamos nos livrar da quadrilha toda ,a começar pelo Capo!

tunico:uma pessoa comum,branco de olhos azuis disse...

Patrícia ou quem quer que seja:

Serra: diploma na Universidade do Chile e extensão em Cornell USA em Economia. Peça a ele para mostrar.
Peça também a cópia do diploma do Mercadante e da Dilma na Unicamp.Também quero ver.

Lula: que mostre o diploma de primeiro grau. Quero ver.Será que tem?

Zé Dirceu: Fez MMM (Mobral/Madureza/Mogi) a forma mais rápida de se tornar doutor em porra nenhuma.Mas que mostre o diploma.

Ou... diploma nesta terra não vale mais? Que merda de país onde o estudo não vale?
Eu tenho os meus. Quer ver?

Pedro da Veiga disse...

Há um Selo pra você no Blog: Pedro da Veiga.
Abraços

Patrícia Ribeiro disse...

Nossa, Tunico. Ficou "irritadinho"? Por quê? Só queria saber sobre os Diplomas de Serra. Pelo que sei, O MEC, para validar Diplomas estrangeiros, exige que o Brasil tenha acordo bilateral com os Países de origem, e não é o caso dos EUA e Chile, então Serra tem apenas um papel postado na parede (se é que tem). O mais engraçado é que Vc adora ser elogiado, mais quando partimos para o debate, vc não tem saída. Belo jeito democrático de manter um Blog(?)...

tunico:uma pessoa comum,branco de olhos azuis disse...

Patrícia(ou quem quer que seja):

Não fiquei irritado. Precisa muito para me irritar mas o que está em debate aqui neste post não é o diploma de fulano ou sicrano e sim a declaração de Lula chamando concidadãos de imbecis e a volta da censura prévia à imprensa proibida pela Constituição.De qualquer forma, meu ego é muito menor do que você pensa. Não adoro ser elogiado mas sim, respeitado.Respeito é bom e eu gosto.Respeito vem de berço e berço não significa riqueza mas sim, educação, honestidade, valores aviltados hoje pelos políticos liderados pelo lulismo. E educação vale tanto para ricos como para pobres, coisa que nosso presidente e pelo que vejo nem a maioria de seus seguidores têm. Assim, por favor atenha-se ao debate do post se quiser continuar tendo seus comentários publicados.

É típico dos defensores do lulismo desviarem o assunto quando eles não tem saída. É tática mais que manjada. E você está indo por este caminho, logo, por pura lógica, concluo que você é mais uma (ou um) do exército da desqualificação das oposições na mais pura orientação gramsciana.

Ou você se retrata voltando à amabilidade e cordialidade inicial com que fez seus comentários neste blog ou então (esquecendo minha educação) vá chupar a mesma meia com que mandei o Frei Betto fake chupar.

Juju - ano IV disse...

http://ofocodavelha.blogspot.com/

o blog é este aí

Juju - ano IV disse...

e mais esse aqui

http://avelhadebaixodacama.blogspot.com/

da mesma autora

Juju - ano IV disse...

essa é muito boa!

http://twitpic.com/cnk36