Translator

sábado, julho 24, 2010

Receita da Poção da Santa Dilma

Ingredientes

- 1 kg de lulas (de preferência não frescas)
- 1 kg de carne de vaca-de-piranha gaúcha(pode ser mineira também)
- 1 kg de carne de bode (da fazenda de Severino Cavalcanti)
- um maço de nabos
- 1 kg de batata-doce verde

Temperos:

- Uma pitada de extrato de Sarneysiana (erva daninha oriunda do Maranhão)
- Uma pitada de extrato de Collorífico ( arbusto tóxico que nasce em Maceió)
- Uma pitada de pó de Maluffiana ( flor de planta nociva que floresce na Rua Costa Rica em São Paulo)
- Uma porção de Barba_de_alho (ramos de árvore venenosos do Pará)
- Um pedaço de raiz de Calheiros (planta carnívora típica das Alagoas)
- Um maço de ervas e plantas colhidas da horta do Planalto e do Diretório Central do PT      ( comigo-ninguém-pode, tinhorão, coroa de cristo, chapéu de napoleão, charuto do rei, coroa imperial, erva de rato, azedinha, taioba brava, timbó, capim de burro, urtiga brava)


Preparo:

Num caldeirão, jogue os nabos e a batata para cozinharem até o ponto de fedentina. Neste ponto, jogue as ervas em maço para soltarem o gosto, as toxinas e odor padrão do governo atual;
Adicione as carnes e as lulas para darem o suporte  proteico e enganador;
Adicione os extratos que irão aliar a corrupção e nepotismo ao efeito da poção;
Espere cozinhar adicionando água de cheiro do TSE para disfarçar a fedentina e não deixar secar por uns 2 anos;
Sirva a partir do mês de julho de 2010 ao eleitorado brasileiro.

O efeito desta poção é impressionante. Anula os sentidos de percepção lógica e cognitiva das pessoas, dá uma sensação de que o Brasil é ótimo e a oposição é perversa e nociva ao país. O gosto das lulas se confunde com o gosto da carne da vaca-de-piranha a ponto de não se distinguir quem é quem. A carne de bode dá o tom mal-cheiroso e evita que outros cheiros piores se sobressaiam.

Cria delírios na mente das pessoas que passam a enxergar um futuro próspero, onde a democracia será mantida, que o Estado não irá interferir em suas vidas, que o Brasil nos próximos anos será a maior potência do mundo, que Deus existe e mora em Brasília e reinará “per seculum seculorum” até o fim dos dias.

Cria a ilusão que o povo poderá comprar seus objetos de desejo em suaves prestações a juros módicos de 100% ao ano, seus filhos estudarão em escolas e universidades por conta de vagas garantidas por cotas de acordo com a condição étnica e social, todos terão luz e moradia sem precisar trabalhar, só com o rendimento do Bolsa-Famíla.

Qual é o antídoto para esta poção? Votar com consciência em outubro.
Pense nisso e não tome esta poção.

4 comentários:

MENEZES disse...

Pô cara! Isso é ruim pra casete! Bota na cesta básica!

Anônimo disse...

Show, muito bem bolado, gostei.

o copista paschoal disse...

Parabéns! Com esses ingredientes todos deve dar para servir uns mil pratos de merda!

Jussara Gehrke disse...

afff... indigestão na certa!