Translator

sexta-feira, janeiro 30, 2009

Revival..

Hoje recebi um comentário no meu perfil do YouTube de um (ou será uma?) petralhinha me desancando por um vídeo que postei há um ano atrás.
Me "xingou" de tucano (pode?).

Aí fui ver o vídeo do qual nem eu me lembrava e descobri que ele é atualíssimo.

O PMDB continua sendo como sempre foi a "prostituta rampeira" da política brasileira desde a ascenção de José Sarney à Presidência da República em 1984. Foi o partido que cravou em nós, brasileiros, o maior estelionato político "nunca dantes visto nezte paiz" com o malfadado Plano Cruzado. De lá para cá, embora tenha crescido em quantidade, perdeu toda a qualidade e só fez se diminuir moralmente a ponto de se tornar não um partido político com ideais e propostas mas sim um partido que abriga oportunistas de plantão que vão ao sabor da onda do poder.

Sarney se candidatou ao cargo de Presidente do Senado embora tenha dito que não queria.É mesmo um cara de pau. Bate Maluf de longe.

Eu vaticinei há seis meses atrás aqui no meu espaço que era tudo balela e que ele seria o novo Presidente com o apoio do Apedeuta, pois não iria largar o osso do poder de jeito nenhum.

Estão criticando o PSDB por na undécima hora não apoiá-lo. Eu acho que os tucanos estão certos em tese, embora haverá traição dentro do PSDB e Sarney será eleito.

Aliás esta coisa do PSDB apoiar o petista Tião Viana me cheira a maracutaia da grossa. A porcaria continua.Há mais coisas podres entre o Planalto e o resto do Brasil do que sonha a nossa vâ filosofia.

Uma coisa é certa. Em político no Brasil não se confia. Eu nunca compraria um carro, nem um alfinete de um político brasileiro, seja de qualquer partido. Político brasileiro não é confiável.

Políticos no mundo todo têm problema de confiabilidade mas aqui é muito pior. Se somarmos todos os políticos do Brasil entre deputados estaduais, federais, vereadores, senadores, prefeitos, governadores e o presidente, acharemos não mais que uma minoria extrema de 3 ou 4 gatos pingados que poderíamos dizer que são sérios.

Mas vejam AQUI o vídeo. Revival....

6 comentários:

Taediu disse...

Não concordo que exista aqui no Brasil, pelo menos 3 ou 4 políticos sérios. Quem não é puta não vive em puteiro.

tunico disse...

Taediu, eu até estava otimista quando disse isto. Mas no fundo, no fundo, penso que nenhum deles é sério. Voce me fez repensar. A putaria na política brasileira dá de 10x0 nos mais famosos bordéis do Brasil, quiçá do mundo. Pelo menos num bordel o cliente sai satisfeito mesmo pagando. E lá ninguém rouba o cliente.
Na política, eles roubam sempre e sempre querem roubar mais.

Brasil Empreende disse...

Ola. Estou passando para convidar para conferir a postagem desta semana: Inovar: O grande X da questão. E Estamos participando do 1º Concurso BR-Infor-Blog, e gostaríamos de contar com o voto de vocês.
Sua visita será um grande prazer para nós.
Acesse: www.brasilempreende.blogspot.com
Atenciosamente,
Sebastião Santos.

Fábio Mayer disse...

Tunico,

Na Câmara e no Senado, praticamente não se sabe mais quem é oposição e quem é situação.

O PSDB apóia Sarney em certo momento, e logo depois diz que vai pro lado do Tião Vianna.

E na Câmara, a mesma salada mista.

Ou seja, CONCHAVOS!

Um país que não tem situação e oposição bem definidas, sujeita-se ao reino na maracutaia, dos acertos obscuros para que ninguém seja pego de calça curta em fatos comprometedores, é ou não é?

Marquer disse...

Vcs esperam de marginais atitudes honestas, sinceras e verdadeiras?

Todos ali são muito ricos, e enriqueceram DEPOIS de sua vida publica! Vamos esperar o que de gente assim?

Alias, como até dar crédito ao que um marginal fala?? O próprio batistti se diz inocente e ultrajado...risos. inacio da silva nunca sabe de nada, nunca ve nada...e nem disse nada...!!!

Aonde que marginais são pela democracia e por justiça social?

Vc encaixaria qualquer desses politicos num estado justo e honesto? ...não se encaixam em um país serio, honesto e de valor.

Enquanto governado por marginais, certamente não será este o nosso futuro!

Frodo Balseiro disse...

Costumo dizer que comparar políticos a prostitutas é uma grande injustiça! Para com as prostitutas é claro! Afinal essas, não trabalham com dinheiro público, e sim privado. Pelo menos trabalham, ganham o "leite das crianças", ralando (ops!), e muito.
Essa turma de cafajestes que está voltando ao comando do "Pocilgão", me dá ânsia de vomito!