Translator

sexta-feira, junho 08, 2007

A touch of humor

Como eu digo aí do lado direito do blog. Rir é o melhor remédio.
Por mais que nos sintamos indignados com o tsunami de escândalos e maracutaias protagonizados pelo bando de ladrões que hoje ocupam cargos públicos "neztepaiz" e que vêm pipocando há muito tempo na política brasileira sem que os culpados sejam punidos, não dá para de vez em quando desopilar o fígado com uma brincadeira. É uma forma de não ter úlceras. O humor é um artifício para reduzir a acidez causada pelo monte de porcaria que os nossos políticos nos enfiam pela goela no dia-a-dia. Como diria um amigo: "Não tenha úlceras. Cause-as". Hoje o Ricardo Rayol elencou este blog como sendo um dos que o fazem rir. Vou tentar manter a fama.
Há uns 30 anos atrás, quando o humor era mais singelo, eu costumava ouvir na Rádio Jovem Pan aqui de Sampa, um programa de rádio que era levado ao ar após as transmissões esportivas de domingo chamado "Show de Rádio".


Criado, escrito e protagonizado pelo saudoso Estevam Sangirardi, abria um espaço para as transmissões da Rádio Camanducaia.
A Rádio Camanducaia foi criada por Odayr Baptista, publicitário e radialista, mineiro de Poços de Caldas e retratava de forma muito humorada as transmissões de rádio de uma emissora de uma pequena cidade do interior brasileiro. Seus "sketches" não continham críticas políticas pois estávamos na época do totalitarismo militar e da censura. Essa mesma censura que hoje o pessoal dos "gauches" que está no poder quer de forma velada implantar através da classificação de programas de TV. São esses "gauches" de fancaria que através de seu porta-voz Sargento Garcia, aplaudiram o fechamento da televisão venezuelana e teriam orgasmos múltiplos se a Rede Globo fosse fechada da mesma forma.
Bem, voltando à vaca fria, as transmissões da Rádio Camanducaia fizeram história. No podcast aí do lado, estou colocando uma amostra. Ouçam e divirtam-se. Colocarei outras amostras futuramente mas dou uma dica. Cliquem AQUI para serem levados ao link da Rádio Camanducaia. Aquela que transmite em "quase" ondas médias, falando para a cidade e cochichando para o interior.
Para quem não consegue ouvir o podcast, instale o programa QuickTime.

11 comentários:

Claudio disse...

Cheguei aqui através do Rayol e adorei seu blog. Ri demais com o video do post abaixo.

Parabéns pela indicação.

abs

CAntonio disse...

Tunico,

Realmente a rádio Camanducaia fez história. Quem não esperava ancioso pelo fim do jogo para óuvir a Radio Camanducaia? Gozação finíssima.

Pena que, como tudo que o país já teve de bom, acabou.

SDS.

Patrick Gleber disse...

Concordo com o dom Ricardo, Tunico. Você é hilário!

Separei alguns trechos importantes da entrevista da jornalista Mônica Veloso para VEJA desta semana. Aguardo sua visita e opinião

www.blogdopatrick.br21.com

Suzy disse...

Tunico, é rir pra não chorar?
Grande abraço

Valter Abrucez disse...

Caro Tunico:
Você me fez viajar por anos e anos, sem sair da sala da minha casa, aqui em Mogi Mirim. Fui ouvinte de carteirinha do Show de Rádio, uma das coisas mais brilhantes que já se fez no meio, em toda a história. No imaginário, a gente "via" os personagens, com suas particularidades e seus sotaques. Sangirardi foi, em resumo, um gênio do humor radiofônico.
Ótima a lembrança.

Valter Abrucez

Ricardo Rayol disse...

Tunico, show de bola a rádio, não conhecia mesmo.. E vi o lance lá no kibeloco, bizarro é pouco para aquilo lá.

ACORDA POVÃO!!!!!!!! disse...

POVÃO,

ÀS RUAS JÁ!!!


http://campanhareagebrasil.blogspot.com/

Glênio Gangorra disse...

Um autêntico representante da direita liberticida reacionária. Nós estamos engajados na evolução do modelo democrático brasileiro onde a mídia não tem o valor comercial que hoje tem. Viva Fidel, Viva Vivi.

Stella disse...

eheheheheeheh eu já conhecia, super divertido
até o humor está acabando nesse país :-(

Star disse...

Bons tempos aqueles Tunico, só velho fala isso, mas é verdade, nós eramos felizes e não sabíamos... saímos do buraco e estamos rolando pro abismo

Adorei lembrar da rádio camanducaia.

Beijo

Anônimo disse...

Caro Tunico,

Essa radio Camanducaia é genial... ponto para o Alberrto Juniorr...

ah, nada, nada!

abraços,
Sargento Schultz - a marvada pinga